Padre fã de Ivete Sangalo divide palco com cantora em show de SP

Uma cena no mínimo inusitada aconteceu na sexta-feira (29.09), no show de Ivete Sangalo no Espaço das Américas, em São Paulo. Um padre, cujos fiéis levaram um cartaz para anunciar a presença dele no show, foi chamado ao palco depois de a cantora ler o aviso. “Você é o farol de Deus para a humanidade”, disse Pe. Anderson à cantora. “Que Deus te abençoe, seus filhos, você transmite Deus para o mundo. Eu te amo, fui em todas as gravações de seus DVDs, só não nos Estados Unidos, que não tive dinheiro. É o 15º show que venho”, elogiou.

“O padre tá molhado de suor”, brincou Ivete. “Bata uma foto ai com ele para ficar bem lindo e ele guardar, mostrar lá na paróquia, avisar ao povo que sou uma mulher direita”, disse ela, agradecendo as orações do pároco, que voltou para beijar e abraçar Ivete. “Tá apegado”, brincou ela, no segundo aperto. No palco, algumas presenças VIP, como Gominho e Viviane Araújo, que subiram ao palco para dançar com a baiana e Isabella Fiorentino, que só apareceu em um post nas redes sociais de Veveta.

A primeira metade do show seguiu o script do Rock in Rio, incluindo a faixa-tema do festival, mas sem “Imagine” nem Gisele Bündchen. Grávida de gêmeas, a cantora anunciou no começo da apresentação que não iria pular por motivos óbvios e comentou sobre não se apresentar no Carnaval de 2018: “eu tô prenha”. Em casa, em suas palavras, vai agarrar as mamadeiras durante o período. Mas fez um incentivo à ida para ver outros cantores e blocos no Carnaval de Salvador. Inclusive, fez um ato de homenagem a Daniela Mercury, Claudia Leitte, Beto Jamaica, apresentando sucessos, como “Canto da Cidade”, “Bola de Sabão” e “Segure O Tchan”. Na segunda, fez um repertório que mesclou hits e sucessos mais recentes, como no Bis, que cantou pela segunda vez “À Vontade” e “O Doce”.

Em outro momento que parou para ler cartazes em sua homenagem, ganhou diversos presentes. “Essa roupa já abriu na lateral para fazer uma reforma. E você me joga esse salgadinho da Hello Kitty? Cê me joga um salgadinho para uma cantora que já tá virando melancia?”, riu. “Tô comendo tanta verdura e segurando porque, na gravidez de Marcelo, minhas amigas diziam: ‘você vai sair da maternidade com menos 10 kg. Então me garanti: era brigadeiro de panela, bolo, café com leite, pão molhadinho. Entrei com 25 kg a mais, saí com 29kg porque tive retenção de líquido. Depois, fui questionar minhas amigas e elas falaram: ‘é porque seu organismo reage diferente’. Pois agora vou comer direito, como manda o figurino. Agora não posso brigadeiro, tô com 45”.

Agito, animação, energia são adjetivos de pleonasmo para narrar um show de Ivete Sangalo. Só ao vivo para entender esse pique, que – mesmo carregando duas vidas no ventre – não deixou de animar seu público. Esta foi a última apresentação da cantora baiana em São Paulo neste 2017 antes de ela se licenciar para cuidar dos bebês. Que, em 2018, venham mais e mais apresentações animadas para matarmos as saudades!

MAMÃE CONFUSA
Ao invés de agradecer aos alunos de Medicina da USP, que comemoravam a formatura no show, ela falou por diversas vezes que eram alunos da PUC. “Ah, não é PUC, não. É USP. Tô doida. PUC é no Rio, né? Não é no Rio? A PUC é aqui também? E tem PUC no Rio? Nunca fui (à faculdade)! Ah, USP, pelo amor de Deus. Me desculpe… Tô cheia de hormônio. Tô cheia de progesterona”, desculpou-se. Em um cartaz, uma fã dizia: “Ivete, em quantos shows ainda preciso ir para poder lhe abraçar?”. E a cantora brincou: “Mulher, não vou lhe abraçar para você ir a todos. Tá bom assim? Se eu lhe abraçar, você não vai mais, aí você vai em outros shows e vou ficar puta com você”.

AMIGOS PARA SEMPRE
Ivete cantou pela primeira vez ao vivo a faixa “Simples Assim”, seu novo sucesso, parceria com Dudu Borges (conhecido no meio sertanejo), que subiu ao palco para tocar com ela. “Um parceiro que conheci, que é aquele cara que a gente vai ser amigo pro resto da vida, graças ao Luan Santana. Liguei pra ele falei: bixo, vamo tocar essa música comigo esta noite, que eu quero cantar em São Paulo, em primeira mão. A primeira vez que vou tocar essa música, vou tocar na presença dele, que fez o arranjo”.


[hr]
Fotos gentilmente cedidas por Leo Franco.

Talvez você também goste...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *